Aquele não fora o único! A segunda matéria

27mar07

Postei três de uma vez. Leiam todos, ou só dois, ou até um mesmo. Três cajados numa coelhada só. 

Matéria publicada (uma só vez dessa vez) dia 25/3/07, no

ag_facos.jpg

Torneio master reúne competidores e amadores na Vila Mathias 

O II Torneio Peugeot Royal Master de Natação reuniu em Santos professores e alunos na Academia Krato, na Vila Mathias. O evento, que também contou com a participação de atletas amadores e profissionais, ocorreu ontem na piscina olímpica da academia, que pertence à Universidade Monte Serrat (Unimonte).

A diferença em relação à primeira edição do torneio foi que de lá para cá a competição foi homologada pela Federação Paulista de Esportes Aquáticos. Isso significa que o torneio passa a fazer parte do calendário anual da federação, além de ser organizado por ela. O delegado da federação, Peter Bydlowski, que é professor de natação, coordenou o evento e elogiou sua realização, por grande parte das inscrições terem sido realizadas sem cobrança de taxa. Segundo ele, “a parte financeira foi relegada a segundo plano”.

O torneio contou com pessoas como o estudante de Direito Élder J. P. dos Santos, que treina natação na Krato há um mês. É sua primeira competição, e ele ficou muito satisfeito com a possibilidade de medir sua força com outros nadadores. A namorada, Érica Barbosa, acompanhou-o durante a manhã e gostou da competição, uma boa oportunidade para quem gosta do esporte.

Professores e alunos de outras academias também compareceram ao evento. É o caso dos namorados Marcel do Nascimento Rocha e Marjorie Mansur, professores de natação da Physical Planet, da FEFIS-Unimes. Marjorie é professora há dois anos e esta é sua primeira competição. Marcel, que compete há quatro anos, é professor há três. A faculdade recebeu o convite da Krato e trouxe alunos para participar do evento. Rocha elogiou a organização da prova e disse que os alunos também apreciaram a competição, mesmo sua especialidade sendo as provas de travessias marítimas.

Projeto Renovação – Mas não foram somente atletas máster que competiram neste sábado. As primeiras baterias do torneio colocaram para nadar alunos com necessidades especiais, como o garoto Caio Fischer Goffe, de 13 anos. Ele faz parte do Projeto Renovação, do professor Mosquito, que semanalmente dá aulas de natação na academia a crianças especiais. A mãe, Valdelene Lopes Fischer, há quatro anos leva o filho para as aulas, e se diz bastante satisfeita com o programa. 

______________________________Márcio Ribeiro Garoni

E DAÍ…

E daí que eu estou gostando desse negócio de ir atrás e entrevistar, procurar as pessoas certas, achar as erradas… Eu pensei que ia ter dificuldade com essa parte -a da entrevista-, mas tenho me saído bem.

Depois de corrigir o meu texto, a professora falou: “Muito bom. Quem fez pra você?”

Em A Tribuna, o principal jornal da região, também saiu alguma coisa no domingo sobre esse torneio. Mas, sem qualquer modéstia, o meu foi melhor. O repórter do jornalão só entrevistou o diretor da academia.

A melhor parte é quando eu volto da rua para a redação decifrar o Código Garoni em que se transformaram as minhas anotações e começo a pensar como será o texto. Desculpa se ele saiu meio quadradão, mas é assim que tem que ser mesmo, por enquanto

E tava me acostumando com a idéia do texto-releitura. Acho que abandonaram a idéia. Conservadores!

Foi a única imagem do Agência que eu achei no gúgou!

Anúncios


8 Responses to “Aquele não fora o único! A segunda matéria”

  1. rsrs achar as pessoas erradas acontece, as vezes encontramos novas pautas a parti das pessoas erradas ou até msm um olhar diferente..mas nesta matéria vc conseguiu muitas fontes, ficou muito bom msm. Legal o projeto renovação..
    – “Quem fez pra vc?”hauhau q absurdo.. qual foi sua resposta?
    As vezes não conigo decifrar meus próprios códigos..isso geralmente da muito trabalho..
    obs:consegui abrir as pautas, legais tbm..vcs fazem diferente..achei melhor deste jeito..
    Até a próxima matéria da Agência Facos…

    É sempre melhor quando a gente acha as pessoas erradas. Nosso jornalão da cidade só entrevistou o diretor da academia. Vê o Renovação, que descoberta…
    Não tive resposta pro Quem fez pra você. Tinha esquecido o nome do cara.

  2. Valeu Márcio, pela visita ao PPC!
    Brigadão e volte sempre

    Com certeza, Parreira.
    (Esse cara foi o que ganhou o primeiro Encaixe a Frase da piauí. Que honra!)

  3. Ahhh…a matéria ficou bem legal. Quadrada, concordo, mas, como vc disse, no começo tem q ser assim mesmo. Até por exigencia dos senhores mestres…rssss
    Ainda sobre a matéria, bem legal a iniciativa de abrir mão da taxa pra alguns, né? Muitos talentos ficam de lado pela falta de oportunidade.

    Decifrar o código Garoni (adorei a colocação!!!) não deve ser mais difícil q decifrar o código Galli, mesmo pq o código Galli vai por caminhos q depois precisam ser desbravados. Às vezes me pego numa verdadeira encruzilhada na folha de papel. Isso pq as linhas terminam e eu parto pras laterais…e ai?? Direita ou esquerda? Me sinto como João e Maria depois q os pássaros (foram mesmo os pássaros?…não lembro!) comem o pão q marcava o caminho de volta…rsss…
    Affff… ainda bem q eu só enfrento isso em uma matéria esse semestre.

    Bom…sobre o hino…o do ‘japonês’ é o da Independência do Brasil. E eu tb cantava ‘japonês’ até meu pai escutar e me explicar q os olhinhos rasgados não tinham nenhuma relação com a história da independência…rssss
    Falar em hinos só me lembra a velha professora de música regendo o desafinado coral do colégio das freiras. Eu sempre esperava q auela clavicula fosse parar na torre da igreja de tanto q ela sacudia os braços.

    Como eu te achei??? Se ontem eu não sabia…hoje piorou, né? Mas prometo q vou descobrir.
    Até isso acontecer fica como MAKTUB…estava escrito 😉
    E vou adorar se vc voltar 🙂

    Beijão

    Aqui você pede, você tem! Eu queria explorar melhor aquele projeto do professor Mosquito, ele até tava lá, mas eu só fui saber depois. Faltou também entrevistar os velhinhos, tinha muitos nadando lá. Talvez alguns tenham sido competidores, sei lá.

    “numa verdadeira encruzilhada na folha de papel. Isso pq as linhas terminam e eu parto pras laterais…e ai?? Direita ou esquerda?”
    Adorei essa. Vira à esquerda. O caminho é a esquerda.

    Queria ter conhecido a clavícula da sua professora. Devia ser uma senhora clavícula.

    MAKTUB? Será? O.o

    E eu voltarei sempre, pode deixar.

  4. Eu prometi q ia lembrar onde tinha te achado, né???
    E não ia sossegar enquanto não descobrisse :p

    ” [Márcio] [marciogaroni.wordpress.com]
    “Ah, pára com isso! Minha mãe também faz ainversário em 25 de março!””, in Harmless Monsters. Sei lá pq, mas deu vontade de clicar no link…e acabei chegando aqui…rssss

    Duas reclamações:
    – Pq não estou entre as baianas???
    – Pq só o meu comentário não tem resposta? :(:(:(
    Tô carenteee…não posso me sentir excluida assimmmm… (rssss…)
    Ok…meu segundo nome é drama :p

    Brincadeirinhas (ou não) a parte, fui conhecer o ‘Sonhos Póstumos’. Q é aquiloooo??? Adorei os textos…e o último então (Saiba q eu te amo)…não tô podendo com isso não, viu? rsss

    E basta pq meus comentários mais parecem postagens…ng merece.

    Beijo e ótimo final de semana

    O Harmless Monsters é da Neyara, do Ceará, que de vez em quando comenta por aqui. Deu vontade de clicar no linque por causa daquela frase? Se você não sabe por que, eu ainda menos…

    – Já te expliquei porque você não está entre as baianas!!!
    – Ó a resposta aqui. :):):)
    Carente, Sam Drama :p Aqui ninguém é excluído, jamais!

    O Sonhos Póstumos é incrível mesmo. Segunda estarei lá. Aguarde e confira.

    Comentários-postagens são mais que benvindos por aqui. À vontade.

  5. Oieeee 🙂
    Bom…respondendo lá, tá liberado de responder aqui…rssss…o importante é eu não me sentir abandonada :p …e como as baianas estão juntas por uma razão óbvia, posso permanecer sem reclamar no meu cantinho dos caras-de-pau linkadores :p

    Muito booommm o “Sonhos Póstumos”. Se for escrever lá me fale q eu vou ler, com certeza. Mas me fale pelo msn. Vc tem razão, precisamos mesmo nos falar por lá…essa comunicação via blog é legal, mas muuuito lenta. E de lenta aqui já basta eu :p
    E antes q a lenta aqui esqueça:
    Beijo e bom final de semana

    Respondo lá E aqui. Abandonada, nunca. Ainda aceito sugestões de categoria para o seu blog. Quer uma só sua? Só pedir. Aqui, o leitor é quem manda. ‘Crônicas e você: uma relação umbilical’ (Não faço publicidade, perdão pelo eslôgã – e pelo aportuguesamento do slogan)

    Sam Lenta, não esquenta. A gente se encontra no msn. Mas via blog também é legal!
    (Apaguei seu msn. Sabe como é, do jeito que este blogue é visitado, alguns dos meus bilhões de leitores podem querer encher teu saco. E eu quero exclusividade nesse quesito)

  6. Oie^^
    Ta vendo, depois da 1ª reportagem sempre vem muitas atrás, que bom que vc não tá fugindo da regra… xD
    Quando entrar na facu (publicidade e propaganda) acho que vou ter muita dificuldade nessa parte de entrevistar o povo, hj fui numa oficina de publi e a gente tava gravando uns comerciais tava nervosa ficando atras da câmera só organizando, imagine quando eu for pra frente…. Um dia eu me acustumo…

    Bjos

    Tomara, Neyara (a rima foi sem querer!). Boa sorte em PP.

  7. 7 missbusybody

    muito estudante de jornalismo tem blog pela vontade de publicar, e ainda não poder. ou por necessidade de publicar o que quer.

    Falando em código, tenho que decifrar um meu ali que eu tô com medo até.

    Valeu pela visita!

    É isso mesmo, pra praticar texto, nada melhor que um blogue, os comentários e tudo mais.

    Você não deixou o saite, caramba!

  8. Siiimm …conheci a Liu pelo seu blog 🙂
    Adorei!!
    Vc tem bom gosto…rssss

    Amanhã vou te ler nos Sonhos Póstumos…pode ter certeza!!!

    O contato via blog tem mesmo um lado bom…a expectativa pela resposta…as borboletas da minha barriga agradecem o estímulo…rssss

    Adorei o “eslôgã”…depois dessa classificação vc tem o direito de aportuguesar o q quiser…rsssss…mas não precisa me colocar em lugar de destaque…já me sinto um poucão importante…rssss

    Tks pela privacidade…exclusividade garantida!

    Beijo e bom domingo 🙂

    (Meu domingo foi ótimo, apesar dos 3 a 1 pros bâmbis)

    Eu gosto de aportuguesar as palavras, comece a se acostumar. Só não faço isso com a palavra skate, que fica horrível.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: