Pergunta inconveniente

14set08

Quem tem programas de bate-papo sabe que eles são os maiores ambientes virtuais da falta de assunto. É uma das grandes desgraças da comunicação entre seres humanos já inventadas. O bate-papo pela internet acabou com as conversas inteligentes assim como o telefone acabou com o sexo pelo telégrafo (–. — –.. . ..).

Foi num dia desses de puro marasmo emiessiênico que eu fiz a primeira vítima, na madruga de 25 de junho. Como sempre acontece, o papo tinha morrido. Aí lancei:

Então, o que você acha da vida?

Era Nayara Barros, 18 anos, de Rio Verde, GO, que respondeu:

A vida, puts, acho uma grande mentira, você nasce e depois morre, constrói toda uma vida pra depois morrer!

O comentário não é de todo pessimista. Ela conclui:

Mas enfim, já que estamos nesse mundo, temos que aproveitar a vida, né?

É, Nayara, começava a enquete sobre a vida.

Opinião parecida tem Neyara Furtado, 19 anos, cearense de Fortaleza (A do post passado, do Prêmio Dardos). Para ela, a vida é “momentânea, inconstante“.

…algo que você faz e faz, mas sabe que isso simplesmente acaba, que a gente não tem controle. Seria isso que você quer saber?

Na verdade, não queria saber muita coisa. Queria mais ver como cada um reage a uma pergunta tão fácil, mas tão difícil de responder. “Inconstante” também foi a palavra que usou Daniela Ribeiro, 18 aninhos, de São José dos Campos. Inconstante, mas como assim?

Na vida tudo é possível sabe, por exemplo, meu primo namorou por 10 anos e se casou no ano passado. Ninguém achava que eles iam se separar porque eles eram num amor todo sabe? E daí ela arrumou outro e chutou ele… Então por mais q a gente pense q a vida não vai sair daquilo do nada, ela muda radicalmente.
Por isso pra mim, a vida é inconstante. Sacou?

Completamente.

As três primeiras tiveram uma reação bem rápida, conseguiram responder de primeira, diferente do que eu esperava. Só deu para começar a embaralhar as idéias da quarta vítima, a guarujaense Laís Hanson, de “19 anos e meio”, que hoje faz Arquitetura em Presidente Prudente.

Bom, a vida como um todo é difícil de explicar… quando eu penso nisso, geralmente estou observando alguém ou pensando em algo que alguém me contou… e isso é muito complexo. Mas resumindo, é interessante demais… tudo é muito possível
E aí eu entro na minha… qualquer ação pode te levar a lugares inimagináveis… e esse ano, a minha vida mudou completamente! a rotina, os costumes, até valores…
É incrível… somos mutantes… e tem gente que nem sabe disso
(desculpa, tô meio limitada hoje)
É q a pergunta é meio… difícil de responder rs

Bem, era essa a intenção.

Me fez pensar… afinal de contas, o que eu sou e o que eu vim fazer aqui.

Foi o que disse Priscila Silva, 20 anos, baiana que está em Aracaju, SE, futura jornalista de sucesso. Ela tem uma visão interessante, uma das que eu mais gostei:

A vida não é fácil de viver e muito menos de explicar. Para alguns ela é perfeita, feita sob medidas, para outros é um eterno sofrimento. Para mim a vida é algo dolorido… que causa medo e frio na barriga, a cada descoberta.

Foi o que senti qdo vc me perguntou, rsrs

O único homem enquetado, Ailton Júnior, 23, de Curitiba PR, deu uma opinião mais “libertária”, digamos assim:

Acho a VIDA algo dispensavel, nao que ela seja ruim, mas é que nao leva a nada, apenas à morte… por isso prezo pela vida desregrada, pelas drogas, pela liberdade

pelo amor… enfim…

A última torturada foi a Ane Talita, de 21 anos, de São Paulo. Achei que precisava mesmo da declaração dela, porque ela sempre põe toda a sinceridade nas coisas que escreve, com a maior facilidade do mundo.

Comecei a escrever, mas daí me veio essa frase na cabeça, e nesse momento ela define o que acho da vida…

Eis que houve uma epifania:

A vida é uma experiência incrível, na qual você é sua própria cobaia.

Bem, foi isso. Não tinha grandes pretensões com essa enquete, mas gostei do resultado. Ainda teve gente que ficou de enviar a resposta depois, mas tiraria a principal graça da brincadeira, o momento. Também teve quem deu a resposta, mas um gênio fechou a janela antes de copiar o texto. Fazer o quê, só posso me desculpar… e agradecer a todos que se propuseram participar.

Agora, o que EU acho da vida?

Ainda não tenho opinião formada. Talvez precise de mais referências.

Anúncios


7 Responses to “Pergunta inconveniente”

  1. Parabéns pela instigante enquete, Garoni!

    O que mais me impressiona na vida é estar em vários lugares ao mesmo tempo, como aconteceu com uma de suas “enquetadas”, Priscila Silva, que estava em Alagoas e Sergipe. Eu queria ter esse poder, principalmente naqueles sábados que tem um monte de lugares legais pra ir e a gente tem que se limitar a estar em apenas um… Vida injusta!

    Escolha um resposta:
    1 ARACAJU! Corrigido, corrigido.
    2 Aham, foi você quem descobriu o erro que fiz propositadamente, hein?
    3 Sabe como é, nunca fui bom de aritmética.
    4 Ainda bem que ela não leu a tempo.

  2. 2 Ana Paula

    Acho que a vida é bem inconstante: há dias em que as coisas estão muito bem e há dias em que nada parece dar certo. Até mesmo o nosso humor é instável – e eu acho que lidar com tal inconstância pode ser bem complicado às vezes.

    Quando li a questão neste post, foi inevitável não lembrar da famigerada frase de Luis F. Veríssimo:
    “Quando a gente acha que tem todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas”.

    Acredito cada vez mais nisso – mas, ainda assim, acredito também que viver é maravilhoso!

    Beijo!
    Lembrou bem do primeiro comentário que fez, ficou quase que idêntico. Estranho que esteja saindo como spam…
    Bem, fiquei com inveja, também vou citar um, Guimarães Rosa: “Viver é um negócio muito perigoso”. Ou Woody Allen: “Life is divided into the horrible and the miserable”.

  3. Mas, Márcio…essa sua pergunta, foi difícil de responder viu? Tudo que se trata da vida e da morte, pelo menos pra mim, é algo tão complicado de resumir, de dizer, simplificar em poucas palavras. Quando alguém pergunta “o que você acha da vida?” a príncipio vem logo nossos problemas pessoais em mente e esquecemos de pensar que a vida é algo não só para juntar problemas mas também para aprender e muitas vezes essa escola é difícil porque não temos a forma certa de viver e não existe ainda um alguém que determine, o que é viver. E o que eu acho bom da vida, é isso…esse mistério, esse misto de sentimento de medo com ansiedade, sempre na expectativa do que virá. Uma coisa eu sei, viver é fascinante.

    Beijos Márcio, felicidades.

    Eu sei que é difícil. Eu mesmo não me arrisco a responder. Viver já é difícil, quanto mais explicar. Afinal, onde está escrito que ia ser fácil?

  4. 4 Mari

    Nossa, tdo mundo com idéias profundas apesar da resposta momentanea…hahaha

    acho q eu ia dizer uma merda bem grande. haha..é! isso, ia dizer q a vida é uma merda bem grande.

    ahuuhahuahuau

    Foi um dos motivos que explicam por que não te perguntei.

    E por que não me atrevi a responder.

  5. 5 Mari

    nossa, q coisa de gente depressiva. zuera, não ia dizer isso não. ahuhauhuahua

    Queria sim, cuzona

  6. Oi!!! tem tempo q não venho aqui..tem tempo q não escrevo no blog tbm…rs..enfim, gostei desta pergunta…quando li lembrei de Salomão, que escreveu o livro de eclesiastes na biblia…e primeiro gostaria de colocar uma resposta quando ele já estava velho, seguindo de outra quando ele era jovem (Provérbios)…

    Ec.1

    2.”Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade.
    3 Que proveito tem o homem, de todo o seu trabalho, que faz debaixo do sol?
    4 Uma geração vai, e outra geração vem; mas a terra para sempre permanece.
    5 Nasce o sol, e o sol se põe, e apressa-se e volta ao seu lugar de onde nasceu.
    6 O vento vai para o sul, e faz o seu giro para o norte; continuamente vai girando o vento, e volta fazendo os seus circuitos.
    7 Todos os rios vão para o mar, e contudo o mar não se enche; ao lugar para onde os rios vão, para ali tornam eles a correr.
    8 Todas as coisas são trabalhosas; o homem não o pode exprimir; os olhos não se fartam de ver, nem os ouvidos se enchem de ouvir.
    9 O que foi, isso é o que há de ser; e o que se fez, isso se fará; de modo que nada há de novo debaixo do sol.
    10 Há alguma coisa de que se possa dizer: Vê, isto é novo? Já foi nos séculos passados, que foram antes de nós.
    11 Já não há lembrança das coisas que precederam, e das coisas que hão de ser também delas não haverá lembrança, entre os que hão de vir depois… ”

    Enquanto jovem…

    “…20 Filho meu, atenta para as minhas palavras; às minhas razões inclina o teu ouvido.
    21 Não as deixes apartar-se dos teus olhos; guarda-as no íntimo do teu coração.
    22 Porque são vida para os que as acham, e saúde para todo o seu corpo.
    23 Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida… ”

    pv 4.20-23

    Nossa, muito tempo mesmo, hein

  7. “Ela tem uma visão interessante, uma das que eu mais gostei” – só porque ela é jornalista!

    A primeira coisa que você me disse (depois de agradecer o parabéns pelo seu aniversário) foi: “Eu penso que o sentido da vida é viver. Nada mais que isso, e essa é a maior graça.”

    depois de você ter lido a minha opinião: “O doce da vida é viver.”

    foi exatamente ali que nossos caminhos se cruzaram.
    talvez a vida seja feita de encontros e desencontros, que trazem alegrias e tristezas, que se tornam fatos e conseqüentemente histórias. um complexo sistema puramente humano pra tentar justamente explicar a existência do início e do fim, ou seja, o nascimento e a morte. é o preenchimento desse lapso temporal. para que ele não se torne um vazio sem sentido resolvemos chamá-lo de vida.

    vi.da sf 1. Existência. 2. Modo de viver. 3. Animação, entusiasmo.
    vi.dão sm Vida regalada; vida boa.

    TUDO depende de um ponto de vista, pq tudo é relativo! 😀
    te adoro, má!

    Nossa, que lindo, Ná.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: