Archive for abril, 2016

mudo cinema

24abr16

solidões compartilhadas em telas redes capturam engolem crimes perfeitos existem? morte existe? tantas fotos, sorrisos, curtidas? buraco de fechadura distâncias, permanências fortalezas peixoto gomide augusta peixoto gomide promessas de até breves nunca cumpridas distâncias, silêncios filmes palavras jovem, na imagem ainda sorria como a irmã um dia me fez quase tão desconhecida quanto tanto não […]


sala de espera

05abr16

pacote a cem por cento dos dados no sus uso o rascunho que é mais seguro o homem, desmaiando, insiste em sentar na cadeira sem encosto pulseiras de cores diferentes tem outro, puto, que bate em protesto passando mal meu pau dói máscaras da gripe ficção científica ou o metrô do japão o bêbado barbudo […]


é fácil se iludir basta dizer que ama cada frase de parede traz uma mentira os poetas urbanos dessa cidade são os maiores picaretas nunca choraram de saudade nem tiveram gonorreia você me pediu ajuda no seu projeto penso que sou alguém e dou um conselho (é que eu também sei ser uma pessoa difícil) […]